VOU VOTAR NO MENOS PIOR

Por Paulo Mileno


Essa tem sido a opção, de acordo com a sabedoria popular, nas últimas décadas. Votar no menos pior. Triste escolha essa. São sempre as mesmas caras, as mesmas promessas, as mesmas ladainhas e papos furados.


O desânimo da população é claro e muita gente nem vai votar. Prefere pagar a multa porque sai mais barato do que pagar a passagem de ônibus, ida & volta.


Mas fique tranquilo. Não vou usar esse nobre espaço para falar de papo chato. Aqui não é espaço para política. Aqui é para falarmos sobre o ensino da língua inglesa.


Eu só comecei falando de como a política se nivela por baixo e a nossa opção, na maioria das vezes, é escolher o menos pior. Nesse caso aqui, agora falando do ensino de inglês, se pararmos para pensar, o processo é quase o mesmo. Diante de tantos cursos já bastantes conhecidos além dos que aparecem em sobrados e salas alugadas por aí, o que resta é escolhermos o menos pior.


O efeito é semelhante com os candidatos que prometem mundos e fundos e no final de quatro anos não fizeram nada. Esses cursinhos agem iguais. Passam anos e anos e nada do que foi dito naquela propaganda na televisão ou durante aqueles anúncios que interrompem os vídeos no youtube são efetivadas.


O sentimento de frustração e desistir de tentar é perfeitamente entendido.


As propagandas enganosas dos cursinhos de inglês acabam tomando tempo e dinheiro que poderiam, bem como, deveriam ser melhores investidos. Portanto, ao invés de escolher o menos pior, escolha o melhor e venha para a comunidade do English Munchers.


Aqui você não vai falar só no último ano quando você chegar no “avançado”, não. Aqui você vai falar no primeiro dia de aula.


A conversação é a nossa estratégia para acelerar o seu processo evolutivo no idioma inglês e, dessa maneira, estaremos atuando no mecanismo da ‘mola mestra’ que faz os alunos “travarem” na hora de falar inglês. Fora o nervosismo que causa um ‘branco’ na “hora H”, a falta de confiança também atrapalha durante o desenvolvimento das ideias quando estamos cara a cara com um nativo da língua inglesa e precisamos soltar o verbo, porém, o verbo fica preso.


Com a estrutura que a English Munchers oferece estaremos aptos a desenvolver o raciocínio nas mais diferentes situações cotidianas. Desde comprar pão na padaria até o nascimento de uma criança. Afinal, é preciso entender a linguagem dos médicos como entendemos o linguajar daquele malandro que pede um cafezinho e dois pães na chapa 7 : 00 hs da manhã.


É tudo a mesma coisa.





15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
CONTATO

Precisa de Ajuda ?​​

 Rio de Janeiro, RJ                        São Paulo, SP

Tel: (021) 9.7920-0717     /     Tel: (011) 9.9285-0188

 contato@englishmunchersbrasil.com.br

saopaulo@englishmunchersbrasil.com.br

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca ícone do YouTube
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Branca Ícone Blogger

© 2019 English Munchers.