TREINO É TREINO E JOGO É JOGO


Por Paulo Mileno


Questionava o Romário “treinar pra quê se na hora eu sei o que fazer?”. O baixinho era marrento e se garantia na hora H. Conforme dizia, era pago para fazer gols.


Romário já foi o melhor jogador do mundo e poderia se dar ao luxo de não treinar e estar automaticamente pronto na hora do ataque.


Isso são exceções. Nós, pobres mortais, precisamos nos preparar para estar sempre prontos. Dia após dia. Tem aqueles que acham que treino é treino é treino e jogo é jogo. Um é de um jeito e o outro, de outro jeito. Em outras palavras, o treino é brincadeira e o jogo é sério.


É aí que dá o problema. É preciso encarar o treino como jogo sério. São os treinos que antecedem a partida oficial. No mundo da luta se diz “treino duro, luta fácil”.


Se o atleta não treinar todo dia, nunca vai estar em ritmo de alto nível, como a profissionalismo exige da forma física. O desgaste é muito intenso e, portanto, condicionamento físico e memória muscular são fundamentais para atletas que se lesionam e precisam se afastarem dos treinos durante um período.


Afora contusão, não há desculpa para não treinar. Enquanto na academia se treina em média umas duas horas na segunda, quarta e sexta feira, no ‘camp de treinamento’ se treina a semana inteira, durante o dia inteiro. Os caras vivem para isso.


Não precisa nem comparar o nível técnico de um atleta amador para um profissional. Efeito semelhante se aplica perfeitamente no treino diário do inglês.


Se você só tem contato com o idioma por uma média de 2 horas na segunda, quarta e sexta ou somente na terça e quinta, certamente o seu processo de domínio será muito maior comparado com quem tem a oportunidade de praticar todos o dias, ao longo do dia.


O English Munchers oferece para a sua comunidade a oportunidade de treinar todo dia e ao longo do dia e, inclusive, um personal trainer.


Os treinos são constantes e irão te preparando para quando o jogo for sério e você não tiver nenhum dicionário ou tradutor online para te dar um help. Vai ser apenas suas orelhas e boca que estará ao seu alcance.


Nesse situação de jogo à vera, a memória costuma falhar, justamente, com aquilo que a gente acha que sabe, mas esquece. Esses detalhes que fazem toda a diferença são resolvidos com a prática quando a gente “se joga mais”. São fatores técnicos como esse que nos fazem ter certeza que, quem treina lendo, vai demorar uma eternidade ou nunca vai estar apto para um jogo sério diante de um nativo que é saber como “os falantes nativos falam”.


Aliás, por quê se treina de um jeito que nunca ocorre conforme um jogo para valer?


Deixo com vocês a resposta e entenda o motivo “treino duro, luta fácil” para não caírem mais nesse papo furado de “treino é treino e jogo é jogo”.


Ateste a contraprova do que eu discuto aqui com o vídeo que circula nas redes sociais onde só o aquecimento do Maradona já valia o ingresso. Diego Armando Maradona na verdade não treinava e nem aquecia. Ensaiava um espetáculo.


Assim é sentimento do povo argentino expresso nas ruas "Não importa o que você fez com a sua vida, Diego, importa o que você fez para as nossas vidas". Rest In Peace, Maradona!

29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
CONTATO

Precisa de Ajuda ?​​

 Rio de Janeiro, RJ                        São Paulo, SP

Tel: (021) 9.7920-0717     /     Tel: (011) 9.9285-0188

 contato@englishmunchersbrasil.com.br

saopaulo@englishmunchersbrasil.com.br

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca ícone do YouTube
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Branca Ícone Blogger

© 2019 English Munchers.