INGLÊS “MAIS OU MENOS”



Por Paulo Mileno



Quando fizemos o nosso primeiro trabalho profissional, o premiado ‘5 x Favela, Agora Por Nós Mesmos’ logo em seguida perguntei ao meu amigo Cadu Barcellos se ele falava inglês. Ele respondeu gesticulando a mão direita num gesto de “mais ou menos”.


Eu perguntei isso porque ele viajou como diretor para vários festivais internacionais e o contato com a língua inglesa foi inevitável, mesmo em países onde o inglês não é idioma oficial.


Ele foi aprendendo fazendo imersão lá fora, porém, sem manter a prática aqui dentro do Brasil. E esse é um detalhe que precisa ser observado. A prática.


O seu desejado intercâmbio pode não surtir muito efeito se você não se manter em câmbio, na escuta. Atento.


Muito se fala que o inglês se domina indo morar no Estados Unidos. Certo. Entretanto, se você não for morar em definitivo ou não conseguir bancar anos morando lá fora, certamente, o seu inglês irá ficar esquecido no recôndito do seu cérebro.


O English Munchers oferece uma plataforma online e estrutura presencial (quando superarmos a pandemia, retomamos) que permite se manter em câmbio permanente sem mesmo sair de casa. A troca se dá com falantes nativos da língua inglesa e brasileiros que dominam em alto nível o inglês.


Dessa maneira, a carreira de Cadu teria nos seus momentos de glória, nenhum tipo de estresse conforme foi seu relato de perda no caminho de volta para o hotel, na Europa. Foi falado em sua despedida que ele era muito mentiroso e desconfio que seu inglês “mais ou menos” não tendia nessa balança para o lado do “mais”.


“Aqui no Brasil todo mundo é intermediário. Aí a gente pede para a pessoa se apresentar, formar algumas frases, e a pessoa trava” esse foi o senso comum de uma professora de inglês ao ser entrevistada pelo jornal O Globo. Infelizmente, não lembro o nome dessa professora em específico para você checar a fonte.


Entretanto, para você checar por si próprio, pode conferir qualquer estatística no nível de fluência do povo brasileiro. Esse percentual oscila de 3%, 4% ou no máximo 5%. Levando em conta quantos cursos estão espalhados pelos bairros das metrópoles do país, algo de muito errado não está certo.


Se você quiser medir o seu nível de inglês, não caia nesses testes de internet. Basta você pegar um nativo e conversar com ele por uma hora. Se você conversar sem maiores problemas, no dinamismo que o ritmo do falar entende como natural, pronto. Você está fluente.


É lógico que podemos sempre melhorar, aprender frases e palavras novas, ao exemplo do próprio português. Afinal, ninguém deixa de consultar o dicionário.


Anteontem eu acordei com a notícia da partida do meu amigo e fui dormir na madrugada que antecedeu ontem, pensando nele. Nos despedimos eu e uma multidão.


Sua repercussão na mídia, nas redes sociais e o minuto de silêncio no jogo do Flamengo (seu time de coração) contra o São Paulo (esse mesmo jogo que o goleiro Hugo quis driblar na pequena área) mostra como ele era amado e foi uma potência.


Se filme ‘Deixa Voar’ é uma transgressão de mundos paralelos e uma ponte para o amor. Fica aqui a saudade que a língua inglesa se limita como “falta” e não consegue traduzir o sentimento de amor para o nosso tato. Como na música ‘Love’ de John Lennon: “Love is real / Real is love / Love is feeling / Feeling love / Love is wanting to be loved / Love is touch / Touch is love”.


15 visualizações
CONTATO

Precisa de Ajuda ?​​

 Rio de Janeiro, RJ                        São Paulo, SP

Tel: (021) 9.7920-0717     /     Tel: (011) 9.9285-0188

 contato@englishmunchersbrasil.com.br

saopaulo@englishmunchersbrasil.com.br

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca ícone do YouTube
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Branca Ícone Blogger

© 2019 English Munchers.